by fresh connection
Crochet,  Dicas

AmoraLã e os objectivos para o ano 2020

Antes de mais, Feliz Ano Novo!

Sim eu sei que já estamos em Fevereiro, mas o meu último artigo foi no natal e por isso ainda não o tinha dito. Para além disso, este é o meu primeiro artigo do ano, logo está mais do que válido!

A AmoraLã “metamorfisou-se” mais uma vez (prometo que será a última) e trouxe consigo novos objectivos para o ano 2020.

Novo ano, novo blog!

Uma das razões por só agora publicar um artigo é que 2020 deu-me um pontapé e eu entrei a rebolar pelo mês de Janeiro fora. Só em Fevereiro é que consegui levantar-me e erguer a cabeça.

A outra razão foi que andava a preparar uma surpresa para ti! Sim, para ti, pois caso não tenhas reparado estás num cantinho novinho em folha. A AmoraLã deixou de ser amora-la.blogspot e passou a ser amorala.pt.

E que tal achas deste novo aspecto?

Vais continuar a ter e a ver novos artigos no blog mas agora estão mais organizados num menu e por categorias. Para além disso, criei um espaço dedicado a outras artes, designado “Crafts” onde irei partilhar contigo muitas ideias criativas e outros dotes artísticos.

Outra novidade é que agora, se estiveres interessado em algum dos meus projectos, poderás saber os que se encontram disponíveis para encomenda: criei um espaço designado “Produtos” onde irás encontrar o tipo de produto e informações mais detalhadas de cada um (como o tipo de material utilizado, o preço e afins).

Os objectivos para 2020

Não penses que lá por ter andado a rebolar sem parar pelo mês de Janeiro, que não levei comigo uma agulha e uma linha. Aproveitei pelo caminho para dedicar-me um bocado mais ao crochet e planear os meus futuros projetos. Assim, consegui definir os meus objectivos para este novo ano. Quem me segue no Instagram já os viu no IG mas vou agora partilhar contigo por aqui:

E os meus objectivos para 2020 são:

  • Fazer um projecto de raíz (desde que ele é idealizado, desenhado até que seja efectivamente feito);
  • Fazer amigurumi com cabeça, tronco e membros (literalmente) e de dimensões médias;
  • Aprender novos pontos e padrões;
  • Aprender uma nova técnica, para além do crochet;
  • Fazer (de uma vez por todas!) granny squares (ou em português, quadrados da avó).

Como é óbvio irei partilhar por aqui todos estes objectivos concretizados e ainda, outras novidades que algumas já andam a pairar na minha cabeça e outras já estão a ser feitas.

Tudo o que já realizei até agora…

Como eu disse, não estive parada e, num espaço de um mês, já realizei 4 dos objectivos propostos anteriormente para o ano 2020. Ah pois é, eu disse que este ano iria ser mais crochet!

Início do mês de Janeiro…

Logo no início do mês de Janeiro aprendi um ponto novo, designado “ponto borboto” (bubble stitch em inglês). Desse padrão nasceram duas amoras fofinhas: uma do tamanho da palma de uma mão e outra com olhinhos e mais pequenina que foi baptizada por mim, por Mrs Cheeks. O padrão destas amoras são da autoria de Lalylaland e poderás fazê-las segundo as suas indicações no seu blog. Estas amoras não estão para encomenda por questões de direitos de autor.

Logo de seguida, soube que o ano chinês era o Rato e como é óbvio tive que fazer um! Desta vez, este ratinho foi feito segundo as indicações de Ohanacraft, onde podes encontrar no sua conta do Instagram. Tal como as amoras este ratinho não se encontra disponível para encomenda, por questões de direito de autor.

Na semana a seguir comecei um protejo que já andava a magicar na minha cabeça. Finalmente transcrevi-o para o papel e agora está a ser feito. Embora a vontade seja muita, só o revelarei quando estiver realmente pronto e ao meu gosto! Mas podes acompanha-lo na minha conta de Instagram.

Final do mês de Janeiro…

No final do mês, aprendi pela primeira vez a tricotar. Como é que isto aconteceu? Bem, informaram-me de uma campanha designada “XXS- XXL Pequeno no Tamanho, Grande no Coração” realizada pela Associação Portuguesa de Apoio ao Bebé Prematuro que tinha como objectivo “alertar para a realidade dos nascimentos prematuros e contribuir para dotar as Unidades de Cuidados Intensivos Neonatais (UCINs) de todo o País de material de conforto necessário e adequado a estes bebés”. Por isso, era pedido gorrinhos e botinhas feitas em tricot que vão “permitir manter os bebés quentinhos e ajudar a promover o vínculo afetivo com os seus pais, através do Método Canguru”. Se quiseres saber mais sobre este assunto acede aqui.

Como nunca tinha participado em campanhas deste género, mas gostava de experimentar, decidi que era “hoje” o dia! Inicialmente iria fazer um gorrinho em crochet mas depois, dei de caras com os vídeos de Youtube da Filipa Carneiro do blog nionoi e não resisti em fazer um gorrinho em tricot!

Fiz-lo em dois dias! Mas será que foi fácil? Não, de maneira nenhuma! Fizeste sozinha? Não, devo muito à minha mãe que não só me ensinou a tricotar como também participou em grande parte na execução do gorrinho. Se não fosse ela, podiam ter a certeza que não o entregaria a tempo (a campanha acabava exactamente no final do mês!). Mas fiz e está feito e espero que ajude muito!

E agora perguntas-me: Crochet ou Tricot?

Ao qual eu respondo, gostei muito de fazer tricot mas, embora tenha feito o gorrinho, estive pouco tempo em contacto com esta técnica. Irei certamente, talvez não tão cedo, voltar a esta técnica para fazer uma camisola ou até mesmo umas meias segundo as maravilhosas instruções da Tânia do blog Bola de Pelo Criações. No entanto, o crochet conquistou o meu coração e sem dúvida nenhuma é a técnica que me identifico mais.

Para finalizar…

Para finalizar esta retrospectiva, dos objectivos para o ano 2020 há um que não referi, porque tenho andado a realizar desde Novembro do ano passado. Mas quero e espero continuar a realizar este ano também.

Há um evento que ocorreu em Novembro do ano passado e Janeiro deste ano que é o “Encontro das Agulhas de Portugal”. Ocorre em dois pontos do país: um no norte e outro no sul e consiste num convívio, na partilha de experiências e de projectos, e em criar ligações com pessoas que fazem crochet, tricot e bordados.

Foi uma experiência incrível e conheci pessoas igualmente incríveis que fazem coisas bonitas! Saio sempre destes encontros, inspirada e muito motivada para continuar a fazer crochet e conhecer outras artes.

Se alguma vez tiveres a oportunidade de ir a um encontro, aconselho-te e muito! Segue a sua conta de Instagram ou Facebook para ficares a par de tudo. O próximo encontro é já este mês nos dias 15 e 16 e está sujeito a inscrição, por isso apressa-te!

Conclusão…

Resumindo e concluindo, a vida não pára e por isso temos que aproveitar todos os momentos que ela nos oferece. E é isso mesmo que vou fazer este ano, carpe diem!

Estes são os meus objectivos para este ano, quais são os teus? Já que estás por aqui, sente-te livre e está à vontade para explorares mais o site e aproveita para dares uma vista de olhos nos artigos anteriores:

Descobre as Tendências de Crochet, Inverno 2019

A prova de que o crochet pode ser considerado uma terapia!

Conhece as 3 razões para fazer crochet 

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.